Primeiro passo para ser uma empreendedora de sucesso

empreendedora

Quem nos dá a dica de hoje, o primeiro passo para ser uma empreendedora de sucesso, não sou eu e sim Juliano Seabra, o diretor da Endeavor, ONG que fomenta empreendedorismo pelo mundo.

É preciso coragem para empreender.

Se você já trabalhou no mundo corporativo ou numa empresa certamente tinha um chefe, um par ou até uma equipe para trocar ideias, informações, fazer questionamentos, mas ao resolver ser empreendedora, dona do próprio negócio, isso se foi….

Não ter contraponto, não ter questionamento, faz com que facilmente você estacione numa zona de conforto e não consiga ou demore mais a chegar onde quer. O ser humano precisa de constantes incentivos para evoluir, precisa de uma segunda opinião, precisa de confiança e  motivação. E fazer isso tudo sozinha, o o tempo todo, não é tarefa fácil…

Eu sei exatamente como é isso e imagino que você também…

empreendedora

E é por isso, que nessa recente entrevista ao Jornal O Globo, Juliano Seabra afirmou que a principal dificuldade de quem está começando um negócio é a solidão!

>>> Recomendo que leia a reportagem na íntegra: http://oglobo.globo.com/sociedade/conte-algo-que-nao-sei/juliano-seabra-tocar-proprio-negocio-um-trabalho-solitario-21121490

Então, o primeiro passo para ser uma empreendedora de sucesso é a coragem, mas não como ato de bravura e sim,  a manutenção de uma postura ativa, se cercando de uma rede de apoio, informação técnica para dia após dia fazer seu negócio crescer.

A Solução

Eu resolvi a minha questão da solidão participando de grupos de mentoria, com profissionais que eu admirava e que tinham um negócio e/ou carreira que eu me espelhava e queria aprender!

Por conta desses grupos aconteceram duas coisas:

(i) Meu negócio deu um salto!

Desafiada e suportada pelo mentor, tirei o na época projeto do Mulheres Bem Vestidas do papel, deixando de lado todas as dificuldades de criar o primeiro curso on line na área de estilo do Brasil. Fácil nunca é, mas com apoio você consegue realizar. Hoje, quase dois anos depois, ele tem alunas de todo Brasil e até de fora, atingindo com seu conteúdo mais de 20 mil!

(ii) Criei a minha rede de networking.

Com empreendedores de todo Brasil, pessoas as quais posso trocar ideia, discutir cases, dar e pedir opinião! Algo que, mesmo findo a mentoria, mantenho até hoje e tem valor inestimável! É a minha injeção de coragem quando preciso!

Mulheres Bem Sucedidas

E finalmente, atendendo a muitos pedidos que recebo por email, chegou a minha hora de retribuir o que aprendi nesse percurso e de ser o grupo de apoio para mulheres que desejam ir além, o Mulheres Bem Sucedidas! Desde iniciar um novo negócio, fazer seu negócio crescer, lotar a agenda, começar a trabalhar on line, trabalhar menos horas de forma mais produtiva, ter foco no que faz a diferença. 
Se você quer fazer parte deste grupo, inscreva-se aqui!

Lembre-se para crescer é preciso sair da zona de conforto, tomar riscos, investir. Se tá fácil, é porque você pode mais!

Comentários no Facebook